Beatriz Pedreira

A ONG Gerando Falcões liderada por Edu Lyra, incentiva por meio de exemplo, jovens das periferias a serem protagonistas dos seus sonhos,talentos e historia. Edu é um criador de pontes, e o maior exemplo de que você pode escolher seu destino e não o lugar onde você nasceu. Uma das atividades (além de oficinas de arte – grafite, skate, rap, dança e etc), levam para as escolas o Show de Talentos, um evento que os artistas locais se apresentam contribuindo para a criação de uma nova referência para as crianças e jovens da comunidade.

O que mais me fez doar pro GF é sua capacidade de criar pontes entre os mundos, periferia e centro, elite e a classe popular. Isso me atinge especialmente pois me identifico com essa visão – a de que só quebrando preconceitos é que nos unimos. Conhecer a realidade do outro entender e dialogar genuinamente, é o caminho certo para a gente vencer juntos, cada um com seu papel, a desigualdade social. Me atinge pois eu pude ser o que quis, nasci numa família economicamente prospera e com todos os incentivos, e quero que todos os jovens do meu país escolham o que querem ser. O que me fez doar foi ter ido até o show de talentos, ter me emocionado profundamente, ter visto de pertinho o potencial do jovem brasileiro. Os seres humanos devem ter o direito de se manifestar em sua totalidade, e o GF trabalha para isso.

Meu nome é Beatriz. Sou cientista social, ativista, mobilizadora, sonhadora e pragmática. Desde cedo me engajo pelo bem coletivo, seja participando dos grêmios da escola até a criação de um projeto para entender as novas formas de participação política do jovem e como seus valores vão mudar a política. São muitas as historias do passado, as trajetórias… as doações que fiz na minha vida têm a ver com a causa que me mobiliza naquele momento. A que está mais perto de mim hoje, é a relação centro-periferia e como vamos aprender, conviver e dialogar com as pessoas diferentes de nós, mas caminhando lado a lado, não em cima nem embaixo. Minha historia não importa a via, o caminho que pegue tem um só objetivo final: o coletivo.

Doar é distribuir oportunidades e possibilidades.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s